terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Conselhos de Deus sobre o Dinheiro

No livro Provérbios, há muitas instruções bem práticas quanto ao uso do dinheiro, muito embora às vezes sejam conselhos que preferiríamos não ouvir. É muito mais confortável continuar em nossos hábitos do que aprender como usar o dinheiro mais sabiamente.

Seja generoso em dar:11 - 24 Algumas pessoas gastam com generosidade e ficam cada vez mais ricas; outras são econômicas demais e acabam ficando cada vez mais pobres. 11 - 25 Quem é generoso progride na vida; quem ajuda será ajudado. 22 - 9 Quem é bondoso será abençoado porque reparte a sua comida com os pobres.

Coloque as necessidades das pessoas à frente do lucro:11 - 26 O comerciante que armazena mantimento, esperando preço mais alto, é amaldiçoado pelo povo; mas o que põe à venda o que tem é estimado por todos.

A lógica humana diz que devemos economizar tanto quanto possível, mas Deus afirma que abençoa os que doam seus bens, seu tempo e seu trabalho. Quando ofertamos algo, Deus nos dá ainda mais, de forma que possamos continuar a abençoar outros. Além disso, a disposição de doar nos ajuda a ter uma perspectiva correta de nossas posses. Percebemos que estas não são realmente nossas que as recebemos de Deus a fim de que sejam usadas para ajudar outros. Então, o que ganhamos por sermos generosos? Desapego às nossas posses, a alegria de ajudar a outras pessoas e a aprovação de Deus.

Tenha cautela quanto a servir como fiador:11 - 15 Quem ficar como fiador de qualquer um acabará chorando. Será melhor não se comprometer.17 - 18 Somente um tolo aceitaria ficar como fiador do seu vizinho.20 - 16 Quem aceita ser fiador de um estranho deve dar a sua roupa como garantia de pagamento.22 - 26 Não aceite ser fiador de ninguém.22 - 27 porque, se você não puder pagar a dívida, levarão embora até a sua cama.

Fiança é o contrato pelo qual uma terceira pessoa assume a responsabilidade, perante o credor, de pagar uma dívida. É uma garantia fidejussória, ou pessoal. Portanto irmão acautele-se, pois a responsabilidade de honrar o compromisso que não é seu cairá sobre os seus ombros. Caso não tenha interesse em afiançar uma dívida, diga não! A desculpa clássica de quem não quer ser fiador:

- Desculpe, meu amigo, mas não posso aceitar. É que já sou fiador de outros contratos e não estou em condições de assumir novos encargos enquanto os mesmos não se vencerem.

Não aceite subornos:17 - 23 Os juízes desonestos se vendem por dinheiro e por isso são injustos nas suas sentenças.

O suborno é um crime e a pessoa que o comete pode ser acusada pela polícia. Se uma pessoa subornar um funcionário do governo, isso é considerado um crime. Se um funcionário do governo pedir ou tentar obter suborno ou se aceitar o suborno que a pessoa lhe oferece, também está a cometer um crime.

Ajude os pobres:19 - 17 Ser bondoso com os pobres é emprestar ao Senhor, e ele nos devolve o bem que fazemos.21 - 13 Quem recusar ouvir o grito do pobre também gritará e não será ouvido.

Deus se compadece do pobre a ponto de se identificar com ele e recompensar os que ajudaram a suprir suas necessidades; Jesus confirmou esse princípio em Mateus 25.31-46. Deus ama e valoriza cada um de nós, quer sejamos pobres quer sejamos ricos. Quando ajudamos o necessitado, honramos tanto o Criador como a sua criação. Deus aceita a ajuda que damos aos necessitados como se a tivéssemos oferecido diretamente a Ele.

Guarde para o futuro:21 - 20 O homem sensato tem o suficiente para viver na riqueza e na fartura, mas o insensato não, porque gasta tudo o que ganha.

Seja cuidadoso ao tomar emprestado:22 - 7 Os ricos mandam nos pobres, e quem toma emprestado é escravo de quem empresta.

Estes provérbios apontam a necessidade de economizar para o futuro. O crédito fácil tem levado muitos a viver à beira da falência. O desejo de manter as aparências e consumir mais leva as pessoas a gastar cada centavo que ganham e a usar o seu crédito até o limite. Mas o que gasta tudo o que tem consome mais do que pode dispor. Uma pessoa sábia separa uma parte de seu dinheiro para os imprevistos. Deus aprova a precaução e a moderação. Aqueles que buscam a Deus precisam examinar seu estilo de vida, para verificar se seus gastos são supérfluos ou não. O desperdício não agrada a Deus.

Fonte: Bíblia de Estudos CPAD ( www.administradores.com.br )
Se você só estiver disposto a realizar o que é fácil, a vida será difícil. Mas, se concordar em fazer o que é difícil, a vida será fácil.

video

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Pai Rico, Filho Nobre, Neto Pobre

Crenças populares ainda hoje comandam a vida de muitas pessoas, porém, quebrando conceitos e se atualizando não é necessário viver do passado

Ainda nos dias de hoje você já deve ter ouvido o famoso dito popular, comum entre famílias com negócios próprios, quer sejam fazendeiros, industriais ou comerciantes "Pai Rico, Filho Nobre, Neto Pobre", e talvez até acredite que este ciclo histórico seja normal. Esteja certo que esta história mudou. Ninguém precisa se espelhar repetindo os erros de seus antepassados. O passado já se foi e está ligado a uma outra realidade social e econômica. Se hoje você deseja seguir um caminho diferente de seus pais e avós, basta planejar seu próprio sonho e depois torná-lo realidade. Veja qual é o segredo.

1. Não tente dar continuidade ao sonho de seu pai ou avô. Viva o seu próprio sonho.

2. Não fique preso ao passado, projete-se no futuro e trace um caminho para tornar seu sonho realidade.

3. Aprenda como "fazer dinheiro" e como multiplicar a riqueza com seus talentos, são dois ingredientes básicos para realizar seus sonhos.

4. Todo sonho verdadeiro gera riqueza. Não estamos falando de devaneio, desligado da vida prática.

5. Para tornar o próprio sonho realidade é preciso começar pelo querer/ vontade em direção ao alvo, e não pelos recursos financeiros. Se você inverter a ordem, suas chances de sucesso estarão reduzidas.

6. Se você é hoje filho nobre, está na hora de se ligar! O planeta Terra está iniciando a 3ª Revolução do Dinheiro, a qual iguala a todos. Daqui para frente só o mercado é nobre e você é livre para negociar com o mercado.

7. Se Você é hoje Neto Pobre, está na hora de se libertar do passado, parar de chorar e começar a "fazer dinheiro" com seu próprio sonho. Você tem definido qual é o seu sonho?

8. Se você é o Pai Rico, com todo respeito, saiba que neste mundo de hoje a maior riqueza que um pai pode transmitir ao seu filho é encorajá-lo a sonhar, levantar vôo próprio, a partir do que você já construiu. Não espere que seu filho continue o seu sonho, a sua obra. Ele poderá não se sentir realizado como pessoa.

Para refletir: para que serve o dinheiro senão para a realização de seus sonhos? Não será cumprindo ditos e crenças populares que você terá uma boa relação com a riqueza. É hora de descobrir quais são seus sonhos atuais e gerar energia para alcançá-los. Lembre-se que para realizar suas conquistas é preciso, em primeiro lugar, você desejar e querer, depois criar um planejamento para realização, por último colocar-se em ação. E o dinheiro virá em conseqüência do seu sonho que motivou todos os aspectos da vida. Por isso, afirmo que "Quem não tem sonhos não tem motivo para viver" . Afinal, para que serve o dinheiro senão para realização de sonhos pessoais, familiares e coletivos?

Glória Maria Garcia Pereira - Consultora de Riqueza


video

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Vida simples, mas com qualidade

Sua casa, armários e despensa, e inclusive o carro, estão repletos de caixas cheias de coisas que não servem mais para nada, mas que você ainda guarda por via das dúvidas, ou estão transbordando de coisas que não usa há muito tempo, até mesmo desde quando as comprou?

O estilo de vida consumista nos leva continuamente a comprar e acumular cada vez mais coisas, mas, em vez de trazer felicidade, como prometem os anúncios de publicidade e os vendedores, muitas vezes os objetos que nos cercam, mas que não usamos, terminam complicando a vida. "Menos é mais", diz um anônimo, mas sábio, ditado popular.

A procura por qualquer livro, documento, ferramenta ou um número de telefone pode ser um desafio como encontrar uma agulha no palheiro quando o ambiente está abarrotado de coisas. Desfazer-se do que não é mais útil requer esforço, assim como escolher que coisas ainda servem e quais não. Mas é só lembrar a satisfação de quando se livrou de algo que pensava que nunca poderia jogar fora ou dar. Foi como se tirasse um peso do coração!

É possível receber os benefícios sem antes deixar um vazio? Segundo a especialista Dominique Loreau, autora do livro "L´art de La Simplicité" (A arte da simplicidade), isso não só é possível, mas o ideal para levar uma vida baseada na simplicidade e na beleza. Ao longo de seus anos de vida e estudo da filosofia zen no Japão, Loreau descobriu que a simplicidade enriquece a vida, liberando-a de preconceitos e restrições, e pode se refletir em cada uma das facetas de nossa existência.

Austeridade nas compras, simplicidade nas roupas, clareza nos pensamentos, frugalidade na alimentação. A simplicidade consiste em ter pouco para encontrar a liberdade de chegar ao essencial. Isso se traduz em elegância, bem-estar, serenidade e beleza. Algumas propostas podem ajudar a seguir esse caminho: Busque o minimalismo confortável: Sua casa deve ser um local de descanso e refúgio, onde cada objeto deve ter sua utilidade. Faça uma lista do que você realmente precisa e do que é simplesmente decorativo e não serve para nada. Desfaça-se do que não tem serventia.

Há elementos de caráter emocional, como as fotos de familiares e amigos, mas não é preciso abarrotar a casa com elas por todas as partes. Pense duas vezes antes de comprar alguma coisa: Quando for adquirir algo, reflita por alguns instantes se realmente terá alguma utilidade ou se está comprando puramente por questões estéticas.

Fuja das modas passageiras: Em vez de encher o guarda-roupa (e esvaziar os bolsos) com roupas que só vai vestir por um ano e depois sairá de moda, escolha roupas de boa qualidade e que não ficarão defasadas rapidamente, para que dure mais tempo. É preferível ter uma peça do que três que estragarão após a primeira lavagem.

Pergunte a si mesmo se precisa de alguma coisa: Antes de guardar alguma coisa, pergunte-se: "por que estou guardando isso? Para que serve?". O mesmo se aplica às coisas que você já tem guardadas: se chegar à conclusão de que não servem mais, dê de presente ou se desfaça delas sem remorso.
Por Daniel Galilea

video

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Os Fundamentos De Uma Atitude Vencedora

Segundo Art Williams, no Livro "All You Can Do is All You
Can Do" Editora Nova Fronteira, existem quatro fundamentos
para desenvolver uma atitude vencedora. Conheça quais são esses fundamentos.

1º Fundamento: ESTEJA SEMPRE MOTIVADO
"Espero que você esteja começando a entender que não existe
nenhum truque para vencer. Mais do que qualquer coisa, o
que existe é uma atitude quotidiana e constante. E estar motivado
já representa 90% do caminho a percorrer para ter uma
atitude positiva. É fácil estar motivado quando tudo está ótimo.
O mais difícil é manter-se motivado quando as coisas não
vão tão bem, como por exemplo, você brigou com sua esposa,
ou quando seu negócio está indo por água abaixo. Mas
para vencer é preciso motivar-se e manter-se assim. É a capacidade
de lidar com as coisas negativas e com os problemas,
eliminá-los do sistema e ir em frente, que determina se você
vai ou não tornar-se um sucesso.
LEI BÁSICA: Noventa por cento de uma vitória se devem
à motivação.

Eu poderia reformular esta lei e exprimi-la da seguinte forma:
Noventa por cento de uma vitória se devem à motivação, especialmente
quando você não tem razão para sentir-se assim.
Um dos meus objetivos mais importantes, é conseguir passar
todas as vinte e quatro horas de um dia, e basta um, sem
experimentar um único pensamento negativo, nenhuma preocupação,
nenhum medo, nada. Todas as vezes que tento assumir
uma atitude positiva, sofro uma recaída em apenas duas
horas. Creio que é a sua capacidade de reunir coragem lá no
fundo de si mesmo, ao invés de sentir medo e preocupações,
que faz com que vocês se levante e lute enquanto outros desistem.
LEI BÁSICA: As pessoas nunca irão atrás de alguém
desmotivado, desiludido, ou de um bebê chorão.
Se você é uma pessoa motivada, as pessoas se sentirão atraídas
por você como que por um imã. Todos vão querer saber o
que você sente, e vão querer experimentar o mesmo tipo de
motivação que você sente....
Já vi muitos homens e mulheres fracassarem na vida à espera
de alguém para motivá-los. Mas, ninguém é fonte de motivação
para alguém. Só você pode motivar a si mesmo. É preciso
que você sinta entusiasmo pela vida, é preciso ter orgulho de
viver"

2º Fundamento: PARE DE ARRANJAR DESCULPAS
"Não procurar e não aceitar razões para deixar de fazer as
coisas são fatores importantes para assumir uma atitude positiva.
Muitas pessoas pensam que basta evitar o que é negativo,
mas uma visão básica da vida sugere que é melhor procurar
ativamente aquilo que é positivo.
LEI BÁSICA: A vida é dez por cento como você a faz e noventa
por cento como você a encara.
Fui a St. Louis visitar dois vice-presidentes de nossa companhia,
seis meses depois que eles mudaram para lá. No caminho
de volta do aereoporto, um dos dois com sua acompanhante,
ambos do Colorado, começaram a explicar-me como
sua nova cidade era difícil. ‘Art, você está vendo a placa
naquele carro ali adiante? As placas aqui trazem escrito: VER
PARA CRER’. E um deles continuou me explicando que as
pessoas aqui são muito céticas, e que as pessoas do Colorado
sempre acreditaram mais depressa, compram mais rápido e
sempre chegam antes para trabalhar. E é por isto que os negócios
das pessoas no Colorado vão tão bem.
Continuei ouvindo aquela conversa durante mais uma hora até
que paramos para apanhar outro casal. E a conversa continuou
sobre o mesmo tema. Os dois tinham vindo do Mississipi e
disseram as mesmas coisas que o primeiro casal havia dito.
Que as pessoas no Mississipi tomavam suas decisões mais
rápido e em St. Louis as coisas não eram tão fáceis.
Na mesma tarde tivemos uma reunião de gerentes e eu me
levantei e contei a eles sobre o que tinha ouvido. Disse-lhes
também que pessoas de Cleveland também disseram a mesma
coisa sobre as de Atlanta.
Sabem de uma coisa? Pessoas são pessoas em qualquer lugar.
O que ocorre é que as pessoas que migram para novos locais
tornam-se um pouco mais fechadas e um pouco mais hesitantes
do que costumavam ser no local em que estavam acostumadas
a viver. As pessoas são as mesmas em todos esses lugares, é
apenas a atitude que difere. Lembrem-se desta lei não escrita:
A VIDA É 10% COMO VOCÊ A FAZ E 90% COMO VOCÊ
A ENCARA"

3º FUNDAMENTO: Esteja sempre "animado"
"A vida pode ser vista como uma experiência dolorosa ou como
uma bela experiência. Mas você precisa aprender a vibrar com
tudo na vida, seja com os negócios, com sua família ou com
os que estão mais próximos.
Você pode argumentar que é fácil dizer isso, mas que não é
fácil fazer.
Mas eu não disse que era fácil, pois a experiência me ensinou
que preocupar-se é da natureza humana. E tudo o que existe
em carne e osso, nesta Terra, preocupa-se com alguma coisa.
Isto faz parte da vida.
Você se sente amedrontado, deprimido e desencorajado, pensa
que isto significa que você é um fracasso. Mas isto significa
apenas que você é humano. Veja bem, é mais fácil ser pessimista
do que ser otimista. Não é fácil manter o ânimo, ser
positivo, ser feliz e perseverar. Nada disso é fácil. A preocupação
é inerente à condição humana e para melhorá-la é preciso
esforço e dar tempo ao tempo. Inquietar-se é pura perda de
tempo, porque 90% das coisas com que você se preocupa
nunca acontecem. Não desperdice tempo!
LEI BÁSICA: Não deixe que os que se queixam, criticam e se
lamentam, mudem você e o tornem negativo.....
Não importa quais sejam os seus problemas. Todos tem problemas.
A única coisa que importa é a maneira com que você
encara sua vida, incluindo aí seus problemas. Há duas coisas
que você pode fazer para manter-se animado:
Primeiro, não deixe os perdedores, os críticos radicais e os
insatisfeitos influenciarem você a fazerem-no desistir. Você
deve eliminar de sua vida o máximo de influência negativa.
Algumas pessoas somente sugam sua energia, pois vêem tudo
pelo lado negativo. Acho que você conhece este tipo de gente.
Costuma passar por seu escritório quando você está trabalhando,
apenas para conversar e tem sempre uma dezena de
terríveis histórias de insucessos para contar. Dizem que no
trabalho as coisas estão péssimas, que a vida é muito difícil, e
em dez minutos você já está procurando um buraco para se
esconder.
Não lhes dê ouvidos. Não estou dizendo para você ser insensível
com estas pessoas, apenas estou dizendo para você se
afastar das pessoas que passam a vida reclamando. Cerque-se
de pessoas positivas, animadas, felizes, e que amam o que
fazem. Seja você mesmo um exemplo de atitude positiva.
Em segundo lugar, passe as notícias ruins para os que estão
acima de você, e as boas para quem está abaixo. Qualquer que
seja o seu nível hierárquico, descubra alguém do mesmo nível,
ou acima, com quem conversar sobre seus problemas.
Isto funciona como uma válvula de escape. Assim você não
sentirá a tentação de passar seus desapontamentos e frustrações
para aquele que você lidera. Eles nunca devem perceber
o seu pessimismo, pois procuram orientação e apoio em você.
Devem sempre vê-lo animado."
Fonte: DTKS News n° 7, 8 e 9


video

O valor da Persistência

A persistência é o caminho do êxito.
Charles Chaplin

O ato de persistir é uma das condições da vitória. Muitas vezes, a vida mede a nossa fé opondo-nos a resistência. Os obstáculos fazem parte da nossa caminhada e render-se a eles demonstra fraqueza.

Não há na história da humanidade, um grande homem sequer que não tenha tido uma fé inquebrantável. Somente por meio da persistência e do bom ânimo conseguimos tornar realidade nossos mais ousados sonhos.

Quando se tem certeza interior de que estamos no caminho certo, nada, nem ninguém,pode ser mais forte que nós mesmos. Possuímos uma força poderosa, capazde perseverar e conseguir tudo, bastando acreditar firmemente que, mesmo difícil, jamais será impossível. Alias, o impossível é o possível que nunca foitentado.

Chega quem caminha. Então caminhe com determinação, jamais duvidando da sua capacidade de vencer. Você pode se acreditar que pode. Todos nós, quando bem intencionados, somos merecedores de uma vida nova. E, para tanto, necessário se faz uma ação contínua e persistente no sentido de tornar nossa vida mais próspera e feliz.

Sem esforço não existe vitória. Persista hoje e sempre.Persista mais e muito. E lembre-se: Um mundo melhor começa em você.

video

Governo lança Estratégia Nacional de Educação Financeira

Estratégia Nacional de Educação Financeira inaugura site para fazer inventário de ações educacionais.

O Grupo de Trabalho criado pelo Coremec (Comitê de Regulação e Fiscalização dos Mercados Financeiro, de Capitais, de Seguros, de Previdência e Capitalização) para desenvolver uma proposta de Estratégia Nacional de Educação Financeira (ENEF) acaba de colocar no ar o site do projeto ( http://www.vidaedinheiro.gov.br/ ). Além de divulgar os trabalhos da Estratégia, o portal tem, neste momento, o objetivo de reunir as experiências de iniciativas de educação financeira já existentes no Brasil, formando, com isso, um grande inventário nacional dessas ações.

No site da ENEF há espaço para que quaisquer entidades ou pessoas físicas relatem sua experiência com o tema educação financeira desenvolvido no Brasil. O Grupo de Trabalho quer conhecer as iniciativas desse âmbito existentes em todo o território nacional. O site foi criado com o propósito de conseguir registrar todas as ações e projetos de educação financeira em andamento. Para que isso aconteça o grupo de trabalho espera que as entidades que desenvolvam projetos deste tipo se cadastrem. Dessa forma o grupo terá condições de avaliar as possibilidades de integração e até de aproveitar as experiências bem sucedidas.

O Grupo de Trabalho realizará também outras iniciativas estratégicas para perceber o nível de conhecimento da população brasileira quando o assunto é finanças pessoais e investimentos. A primeira é fazer uma pesquisa nacional para analisar o grau de conhecimento da sociedade sobre finanças, já em andamento. A pesquisa será importante para balizar as propostas de trabalho que resultarão na estratégia de educação financeira, a ser apresentada pelo grupo até o final deste ano.

O Comitê de Regulação e Fiscalização dos Mercados Financeiro, de Capitais, de Seguros, de Previdência e Capitalização (Coremec) criou o Grupo de Trabalho, em 2007, a fim de desenvolver e propor uma "Estratégia Nacional de Educação Financeira" em um prazo de doze meses. O objetivo do Grupo, coordenado pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e composto por representantes do Banco Central, SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) e SPC (Secretaria de Previdência Complementar), é definir uma proposta de política pública voltada para a educação financeira de toda a população. O Grupo pretende também receber a participação voluntária de associações e outras entidades representativas do mercado que já desenvolvem ações de educação financeira.

Fonte: Secretaria de Previdência Complementar-SPC
http://www.mps.gov.br/pg_secundarias/previdencia_complementar.asp


Clique nas imagens para ver duas apresentações sobre o tema.





O Poder do Foco - Criando uma extraordinária qualidade de vida.



Primeiro, você deve aprender a controlar seu foco. Mudando o seu foco, instantaneamente você muda a qualidade da sua vida. De fato, ao fazer uma mudança de foco, você pode, imediatamente, passar de totalmente depressivo para totalmente eufórico. Lembre-se: nós obtemos aquilo que focalizamos.

O que você focaliza determina como se sente! De fato, se você está sendo bem-sucedido no que está fazendo no momento (na sua carreira, vida pessoal, saúde ou relacionamentos) é, em grande parte, um reflexo do que você está focalizando nessas áreas da sua vida. O seu foco está todo no trabalho às custas da sua vida pessoal? Você está focalizado em ser espiritual mas não está cuidando do seu corpo? Você está focalizado em marketing mas não está olhando para as finanças do seu negócio?

Se você está estressado ou realizado tem pouco a ver com o que você está fazendo, ou mesmo os resultados que está produzindo. O seu estresse é o resultado de onde você está colocando o seu foco. Foco é o poder definitivo que pode mudar a maneira de pensarmos, sentirmos e o que fazemos em cada momento. Quando mudamos o nosso foco, mudamos nossa vida. O que focalizamos determina a direção para a qual nos movemos. Alvos do Tempo - Qual é o foco da sua vida ? A questão é essa: Onde está o foco da sua vida? Você está preenchendo a maior parte do seu tempo na Dimensão da Distração? Da Ilusão? Da Demanda/Necessidade? Ou “na Essência”? (área onde reside a maior realização da vida).

À medida que você planeja a sua semana, certifique-se da determinação dos seus objetivos, focando tanto tempo quanto possa nas coisas mais importantes. Além disso, antecipar as coisas que se tornarão importantes no futuro, evitará o “vício da urgência” e você vai experienciar a alegria e a verdadeira realização que realmente merece. O nível de realização que você experimentará em sua vida está diretamente relacionado a “onde” gasta o seu tempo.

Muitas pessoas experienciam uma vida de estresse porque são viciadas na emoção da urgência. Por exemplo, o telefone toca e você experimenta a urgência de ter que respondê-lo, mesmo que a conversa que você está tendo com seu filho ou colega de trabalho seja muito mais importante. Uma vida de realizações é aquela em que você põe a urgência no seu lugar e lembra que o alvo mais importante é passar a vida fazendo as coisas que são primordiais para você.

1) A ESSÊNCIA: MUITO IMPORTANTE, NÃO URGENTE Se a sua meta é criar uma vida de realização, você quer passar sua vida no que nós chamamos A Essência – a dimensão na qual seu foco primário é fazer as coisas que são Muito Importantes, Mas Não Urgentes. O que caberia nessa categoria para você? Passar tempo com seus entes queridos? Trabalhar num projeto profissional que pode não necessitar atenção imediata, mas cuja antecipação criaria uma vantagem competitiva no mercado, fazendo você, seus associados ou seu negócio mais forte? Ler? Pensar? Se exercitar? “A Essência” contém todas essas ações que nós todos sabemos ser importantes, mas que “nunca conseguimos realizar” porque somos “muito ocupados”. Urgência é uma necessidade mecânica e artificial que deve ser disciplinada. Imagine que quando você está fazendo as coisas que são mais importantes, você está Na Essência. Esta é a Dimensão da Realização. (A atividade sem propósito é uma drenagem para uma vida de realização).

2) A DIMENSÃO DA DEMANDA: URGENTE E IMPORTANTE Por contraste, o segundo anel do Alvo do Tempo contém aqueles alvos que são Urgentes e Importantes. Chamamos isso de Dimensão da Demanda. Em nossa vida existem sempre certas coisas que não podem ser planejadas, como um membro da família que sofre um acidente ou um chamado de emergência de um sócio no seu negócio. Essas coisas se tornam urgentes e importantes e você deve lidar com elas imediatamente. Apesar da meta ser passar tanto tempo quanto possível Na Essência, onde você antecipa as coisas que são importantes antes que elas se tornem urgentes, isso nem sempre pode ser feito. Ser proativo e antecipar as coisas importantes, lidando com elas antes que se tornem urgentes, é uma maneira de diminuir o tempo que se passa nessa dimensão.

3) A DIMENSÃO DA ILUSÃO: URGENTE MAS NÃO IMPORTANTE O terceiro anel é conhecido como a Dimensão da Ilusão. Essa é uma área onde as coisas são Urgentes Mas Não Importantes. As pessoas estressadas passam a maior parte do seu tempo na Dimensão da Demanda e na Dimensão da Ilusão, fazendo constantemente listas e mais listas de todas as coisas que têm que ser feitas. Logo que elas pensam que têm um plano, são interrompidas pelas necessidades urgentes de outros ao seu redor para fazer coisas que, verdadeiramente, parando para pensar, podem criar um senso de urgência, embora não sejam verdadeiramente importantes em termos de alcançar os objetivos primordiais de suas vidas pessoal e profissional. As pessoas que passam a maior parte de seu tempo na Dimensão da Ilusão estão fazendo exatamente o que implica no título – iludindo a si mesmas que elas têm que fazer todas essas coisas malucas que as impedem de fazer as coisas mais importantes e que dão realização às suas vidas.

4) A DIMENSÃO DA DISTRAÇÃO: NÃO IMPORTANTE E NÃO URGENTE Finalmente, o quarto anel contém os itens que são Não Importantes e Não Urgentes e é conhecido como a Dimensão da Distração. Esse é o lugar para onde muitos de nós vamos quando estamos estressados e queremos fazer alguma coisa que não requeira pensar. Exemplos disso são ligar a televisão ou comer quando você não precisa e nem mesmo está com fome. Se você passa muito do seu tempo aqui, você se encontrará no domínio do que nós chamamos “Terra de Ninguém” – onde não é realmente feliz, mas não é suficiente infeliz para fazer alguma coisa sobre isso.

Este material foi adaptado do trabalho de Anthony Robbins
Fonte: www.pnl.med.br


video